Abisolo lança Anuário 2019 e pesquisa de faturamento

Documento ainda traz os dados da pesquisa encomendada pela Abisolo (Associação Brasileira de Tecnologia em Nutrição Vegetal) e elaborada pela Yeb Inteligência de Mercado, que apontou o faturamento da indústria brasileira de nutrição vegetal em 2018: bruto de R$ 7,6 bilhões, o que representa um crescimento de 19,3% sobre o resultado obtido em 2017. O segmento de fertilizante foliar representou 71% do total faturado; seguido por fertilizante organomineral, com 12% de participação, condicionadores de solo, com 10%; fertilizante orgânico, que teve 4%; e substrato para plantas, com 3% da receita global. Foi feita, ainda, uma sondagem sobre perspectiva de crescimento para 2019 e a previsão é de uma expansão em torno de 21% no faturamento do setor.

A pesquisa está detalhada no Anuário Brasileiro de Tecnologia em Nutrição Vegetal 2019, lançado nesta quarta-feira, dia 10, durante o VIII Fórum e Exposição Internacional – Tecnologia & Integração, que a entidade está promovendo em Campinas-SP até esta quinta (11). Do faturamento total do setor, 83,6% foram oriundos de produtos nacionais e 16,4% vieram de importações. Em termos de categorias comercializadas, os fertilizantes organominerais foram os que registraram maior crescimento de vendas, com avanço de 21% sobre o resultado de 2017.