Carlão da Publique comandou a visita da equipe na FMC, em Campinas (SP).  Equipe TOP recebendo as equipes da Plataforma AgroRevenda, do programa Fala Carlão e do Grupo Publique.

A noite de autógrafos do Dr. Wil Rondó em São Paulo foi um sucesso total. As paulistas mais lindas, muitos amigos, queijos, vinhos e a alegria fizeram a festa. Com a nobre contribuição das lindas imagens do amigo Zezinho Perez. Festona de primeira na Livraria da Vila, nos Jardins em São Paulo.

Na última quarta-feira, a equipe do Grupo Publique participou do Seminário de Iniciativas e Inovações em Pecuária Sustentável do GTPS, em São Paulo. Foram dez iniciativas e inovações apresentadas para um público de mais de 80 participantes. O evento foi transmitido ao vivo pelo facebook do GTPS e também através de link do Zoom. Uma das entregas durante o evento foi o Mapa de Iniciativas em Pecuária Sustentável, realizado pelo GTPS em parceria com o Imaflora. Para saber mais, acesse: http://gtps.org.br/mapa-iniciativas/

Empresa espalha conhecimento da tecnologia Intacta 2Xtend pelo Brasil e prepara comercialização na safra 2020 – 2021 em 1.300 distribuidores do país.

Duzentas e quarenta áreas produtivas de soja espalhadas por dezenove municípios brasileiros. Cinco hectares em cada uma. Conhecimento testado e aprovado por vinte especialistas e trinta consultores renomados no segmento. Dias de Campo nos principais polos produtores da cultura, em vários estados. Mais de dez mil produtores recebendo informações sobre plantio correto, boas práticas, uso apropriado de tecnologias.

Um laboratório a céu aberto criado pela Bayer, junto com sojicultores parceiros, os Eleitos I@X, para os testes finais da Intacta 2 Xtend, a terceira geração de biotecnologia em soja desenvolvida pela Bayer, que proporciona maior proteção contra as principais lagartas da soja, expandindo seu escopo de defesa contra mais duas espécies relevantes, a Helicoverpa armigera e Spodoptera cosmioides. Somadas às outras quatro que já eram alvo da tecnologia Intacta RR2 PRO. E ainda permite um controle mais amplo de ervas daninhas. A tecnologia também traz uma nova formulação do Dicamba, o herbicida pó-emergente eficiente no controle de plantas como buva, caruaru, corda-de-viola e picão-preto, molécula renovada de acordo com as características locais brasileiras.

“Estamos atuando para ajudar o segmento a atingir novos patamares de produtividade. Ao mesmo tempo, estamos preocupados com as novas gerações, a qualidade do meio ambiente nas fazendas. Uma lavoura de soja tem um potencial de dano de até 70% por causa de plantas daninhas. O Glifosato, que é uma ótima molécula, imprescindível no plantio direto, funciona muito bem, mas agora precisa de ajuda. Hoje, temos 270 espécies de folhas daninhas de folha larga. E o novo Dicamba , um herbicida hormonal, é eficaz e ainda volta com um controle quase perfeito em termos de volatilidade”, analisou o  agrônomo Wilson Santos, da Bayer.

É a reta final para o lançamento ao mercado brasileiro, que vai ocorrer na safra 2020 – 2021, no Paraguai em 2022 e brevemente na Argentina. A empresa ainda aguarda a aprovação para plantio do grão na China. “Estamos rodando o Brasil para constatar a realidade alcançada na lavoura do produtor, sedimentando todos os nossos conhecimentos e dos parceiros. Capacitando efetivamente os agricultores, sobre boas práticas em todos os sentidos, não só sobre nossa nova tecnologia”, explicou Fábio Passos, gerente de lançamento da plataforma, com mais de 14 anos de Bayer. A I2X vai contar com 300 multiplicadores em todo o Brasil e ser comercializado nos 1.300 distribuidores espalhados pelo país, no da empresa no Brasil. Aliás, a empresa é reconhecida por utilizar de forma exclusiva as revendas, próprias, privadas e de cooperativas, na distribuição de seus produtos.

A Plataforma AgroRevenda acompanhou as atividades realizadas em Jaboticabal (SP), na Fazenda Santa Izabel, do empresário Pedro Rodrigues, filho do ex-Ministro da Agricultura Roberto Rodrigues. LabFarm com três eventos: no caminhão de conhecimentos, painel interativo de plantas daninhas, aplicação de Dicamba, informações sobre pontas e altura de barra de aplicação, túnel de vento e deposição de gotas e altura . Na tenda, mais conhecimento sobre espécies invasoras e boa aplicação do Dicamba. E a pulverização concreta, com máquinas Case, na área de plantio.  E uma abordagem em cinco frentes: presencial, virtual, itinerante, rede de parceiros e áreas-polo. Tudo amparado pelo Climate FieldView, a ferramenta digital da Bayer, e máquinas para plantio, tratos e colheita da Case IH, marca da CNH Industrial, nas áreas de ensaio. “Limpeza de tanque, deriva, uso de bicos, adjuvantes, produtos mais eficazes, manejo, controle nas áreas de reforma de culturas. Em 25 anos, nunca vi um trabalho tão minucioso para levar informação e conhecimento ao homem do campo. Isso tudo só beneficia o produtor brasileiro. Um lançamento feito com muito cuidado”, elogiou o agrônomo Roberto Minoru Ishimura, consultor, produtor e diretor da Detec Assessoria Técnica, empresa do setor de consultoria na produção de grãos.

Ele é um dos vinte expert´s que atuam junto com a Bayer nas pesquisas de campo. Em São Paulo, a nova tecnologia da Bayer pode ajudar na reforma das áreas de cana-de-açúcar, em rotação com a soja. “O canavial tem a necessidade de reformar entre 15 e 17% das áreas. E a I2X está funcionando bem nos testes de campo com este fim”, completou Roberto. “Estamos com a Intacta desde o início e a terceira geração da tecnologia vem proporcionando ótimos resultados. Nas nossas áreas e nas lavouras de terceiros que gerenciamos”, informou Alysson Guilherme Straack, gerente da Fazenda Santa Izabel, vizinha à Usina São Martinho, uma das mais tradicionais do Estado de São Paulo.

Enquanto a I2X não ganha o campo do Brasil, a Bayer segue orientando o maior número possível de pessoas do agro, utilizando as melhores indicações e práticas de manejo que favoreçam as margens das fazendas brasileiras. “Não é apenas uma tecnologia. É uma combinação de fatores que envolve a indústria, setor de máquinas, cooperativas, empresas de genética. Uma experiência que não é só da Bayer. É da Agricultura do Brasil. Um novo marco do setor. Biotecnologia de última geração, banco genético, controle de pragas e plantas daninhas, manejo fitossanitário”, reforçou Fábio Passos.

BOX

DIAS DE CAMPO

# 10 mil produtores rurais treinados
# Teste em 254 lavouras de soja | ‘Eleitos I2X’ | 19 municípios
# Equipamentos Case IH

INTACTA 2 XTEND

# Terceira geração de biotecnologia em soja
# Tolerante ao Glifosato
# Dicamba: herbicida pós-emergente aliado à nova biotecnologia
# Combate duas novas lagartas: Helicoverpa armigera e Spodoptera
cosmioides
# Controla buva, caruru, corda-de-viola e picão-preto
# Lançamento comercial na safra 2021 | 2022
# 300 multiplicadores | comercialização em 1.300 distribuidores

BAYER

# 117 mil colaboradores no mundo
# Vendas de 39,6 bilhões de euros
# Investimentos de 2,6 bilhões de euros
# Pesquisa e Desenvolvimento: 5,2 bilhões de  euros

 

 

 

 

 

Decio Zylbersztajn (PENSA/USP), Gustavo Junqueira, secretário da Agricultura e Abastecimento, Louis Gourbin (B3), Marcos Jank (Insper),  Pedro Parente (BRF), Zeina Latif (XP Investimentos),  Hyberville Neto (Scot Consultoria), Luciano Pascon (Frigol),  Rafael Ribeiro (Scot Consultoria), Rosana Pithan (IEA),  Sérgio De Zen (Fealq/ESALQ) e  Thiago Bernardino (Cepea/ESALQ). No comando, o mediador Alcides Torres, da Scot Consultoria.

Esse é o time escalado para o Encontro de Analistas da Scot Consultoria’, que está sendo realizado nesta sexta-feira, dia 29, no Rochaverá Corporate Towers, em São Paulo. Evento que chega a sua décima edição, marca o encerramento do ano, a preparação para 2020 e apresenta dois blocos: “A economia no primeiro ano de governo” e “O novo ciclo do mercado do boi”.

Com o mote “Tudo em você é agro”, a campanha será veiculada nas redes do Grupo Publique, nas plataformas AgroRevenda e Fala Carlão, e em mídias parceiras da empresa de comunicação especializada no setor.

Você pode não ter percebido, mas a roupa que está vestindo neste momento, o carro que dirigiu para chegar ao seu compromisso de hoje, o café com leite quentinho que você tomou para começar o dia, tudo isso – e muito mais – tem origem no campo. Para mostrar a grandeza desse setor, responsável por 21,6% do PIB nacional, segundo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), o Grupo Publique acaba de lançar a sua mais nova campanha publicitária, que tem como tema “Tudo em você é agro”.

“Precisamos mostrar a força do agro Brasil, esse gigante que impulsiona a economia e que é a verdadeira vocação do País. A nova campanha tem como objetivo conscientizar o público para o fato de que o agro está presente no dia a dia de todos. Muitas vezes, as pessoas não percebem que a roupa que vestem, o alimento que consomem, o medicamento de que precisam, tudo vem do agronegócio”, pontua o CEO do grupo, Carlos Alberto da Silva, o Carlão da Publique.

Com veiculação nas redes do Grupo Publique, nas plataformas AgroRevenda e Fala Carlão, e em meios de comunicação parceiros, a campanha faz parte da nova estratégia de comunicação da empresa, que há mais de 30 anos atua exclusivamente no agrobusiness. “Estamos de cara nova, com logotipos reformulados, oferecendo sempre as melhores soluções para a comunicação do setor que mais cresce no Brasil”, pontua Carlão da Publique.

Sobre o Grupo Publique – O Grupo Publique é uma empresa especializada em criar soluções sob medida para o negócio de clientes com foco no agronegócio brasileiro. Há mais de 30 anos, a companhia produz conteúdo para publicações próprias, como a Revista AgroRevenda, a Revista Senepol e a Newsletter semanal Publique News. Presta Consultoria em Marketing, publica revistas, jornais, livros e produtos editoriais customizados, como o Noticiário Tortuga/DSM e a Revista Senepol. No leque de produtos com a chancela da Publique também estão o Programa Fala Carlão, exibido pelo Canal Rural, Facebook e Youtube; e o Canal AgroRevenda, com a coluna Papo de Prateleira. O Grupo Publique promove Eventos, Palestras e Atividades de Relações Públicas, oferece Assessoria de Imprensa e Marketing Digital, mantém Banco de Imagens e trabalha como Agência de Propaganda, no planejamento de campanhas e gestão de marca. Atua, ainda, na comercialização e captação de patrocínios para eventos, leilões e dias de campo.

A atuação do Serviço Brasileiro de Certificações com os produtores de frutas do Brasil que exportam foi destaque nesta sexta-feira no programa ‘Bem da Terra’, do canal Terra  Viva, ligado ao Grupo Bandeirantes. A apresentadora Renata Maron entrevistou o Responsável GLOBALG.A.P. do SBC, Matheus Modolo Witzler, sobre a fruticultura nacional, que hoje é praticada em 2,4 milhões de hectares do território e emprega diretamente seis milhões de pessoas. O país é o terceiro maior produtor mundial, mas só destina ao exterior 2,5% deste total, faturando perto de um bilhão de dólares. Cerca de quinhentos produtores do país são certificados GLOBALG.A.P. para atender o exigente mercado da União Europeia.

Matheus salientou que esse número pode aumentar bastante e que o protocolo é a mais importante certificação internacional de Boas Práticas Agrícolas para exportação de frutas, legumes e verduras. E pode garantir ao fruticultor brasileiro a realização de bons negócios, de forma permanente. “O processo para acessar estes mercados exigentes é simples, mas o produtor deve respeitar todo o protocolo, principalmente no quesito de resíduos, que é um ponto muito sensível para os europeus”, destacou ao final.

O SBC foi criado em 2002, em Botucatu (SP), para trabalhar com SISBOV e atender a demanda de exportação de carne bovina à Europa. Hoje, a empresa é líder de mercado neste sistema, tem presença em onze estados brasileiros e escritórios em Cuiabá, Goiânia, Campo Grande, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, além de representante no Paraná. Trabalha com cinquenta colaboradores e auditores espalhados pelo país. O SBC é credenciado para as certificações SISBOV, Marfrig Club e Tipificação de Carcaça, e ainda alcançou a acreditação pelo Inmetro para GlobalG.A.P.

Carlão da Publique prestigiou em São Paulo o lançamento do livro mais recente do Doutor Rondó.

 

Em Ribeirão Preto, na UCBVET Saúde Animal, revendo o Nílton e o Marcão. Em Serrana, com Igor, no escritório do Paulinho Paulo Leonel, ao lado de Gutche Alborgheti, Marília Corrêa, na Usina da Pedra. Dada a largada nos preparativos da Carpa para 2020. Também com Sérgio Luiz Selegato, Luiz Roberto Kaysel Cruz e José Márcio Cavalheire, Diretor Agrícola, Diretor Superintendente e Diretor Administrativo-Financeiro.E em Cravinhos, na Ourofino Agrociências, com Luciano Galera, Diretor de Marketing, Pesquisa e Desenvolvimento da OuroFino Agrociência..

A Plataforma AgroRevenda foi uma das mídias selecionadas para acompanhar a etapa de Jaboticabal (SP) dos Encontros I2X, visitas de produtores brasileiros aos campos de teste da nova tecnologia em soja da Bayer, a Intacta 2Xtend. Nesta quinta-feira à noite, a conversa foi com Roberto Minoru Ishimura e Fábio Pessoa, em Ribeirão Preto (SP).

Fábio é o Gerente de lançamento da plataforma e atua na empresa há mais de 14 anos. Roberto é agrônomo, consultor, produtor e diretor da Detec Assessoria Técnica, empresa do setor de consultoria na produção de grãos com forte ação em plantio de soja na rotação com cana-de-açúcar. Ele é um dos vinte experts que atuam junto com a Bayer nas pesquisas de campo.

Nesta sexta-feira,  dia 28, é Dia de Campo para mostrar os resultados e as informações conseguidas com a nova tecnologia em soja. E a participação de 50 agricultores desta região paulista.

A Intacta 2 Xtend é a terceira geração de biotecnologia em soja desenvolvida pela Bayer, que proporciona maior proteção contra as principais lagartas da soja, expandindo seu escopo de defesa contra mais duas espécies relevantes, a Helicoverpa armigera e Spodoptera cosmioides. Somadas às outras quatro que já eram alvo da tecnologia Intacta RR2 PRO.

E ainda permite um controle mais amplo de ervas daninhas. A tecnologia ainda traz uma nova formulação do Dicamba, o herbicida pó-emergente eficiente no controle de plantas como buva, caruaru, corda-de-viola e picão-preto. Ela foi desenvolvida de acordo com as características locais brasileiras.

São 240 áreas de produtores testando a tecnologia, espalhadas pelo Brasil. Cinco hectares em cada uma. Lançamento ao mercado em 2021 e aguardando a aprovação para plantio na China. “É a realidade de produtor. Tempo de sedimentarmos todos os conhecimentos. Vamos treinar dez mil pessoas até o fim do ano. E até chegar a 50 mil em 2020. O que fazemos é uma combinação de fatores que também envolve a indústria de máquinas, por exemplo. Cooperativas, empresas de genética, uma experiência que não é só da Bayer. E agora, mais especificamente com o herbicida Dicamba, Soluções que combatem até 270 espécies de folhas daninhas de folha larga”, explica Fábio Passos, Gerente de Lançamento da Plataforma Intacta 2 XTend.

“É uma melhora de eficácia na aplicação de glifosato porque os plantadores de cana paulistas não querem que as lavouras sejam impactadas. estamos testando tudo. Limpeza de tanque, deriva, uso de bicos, adjuvantes, produtos mais eficazes, manejo, controle nas áreas de reforma de cana. Em 25 anos, nunca vi um trabalho tão minucioso para levar infirmação e conhecimento ao homem do campo. O único beneficiado é o produtor. Vai ser um lançamento feito com muito cuidado”, justifica Roberto Minoru Ishimura.